fbpx
Select Page

Temos acompanhando um crescimento exponencial de empresas adotantes do regime de venda de produtos a pronta entrega (quando a mercadoria vai embarcada no veículo).

Segundo dados da ABAD – Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores de produtos, no ano de 2014 esse mercado movimentou cerca de 200 Bilhões em faturamento, onde cerca de 30% de toda essa movimentação aconteceu por empresas que utilizam modelo de atendimento pronta entrega.

A Pronta Entrega vem se mostrando cada vez mais forte e tem sido uma ótima ferramenta de apoio a redução dos custos operacionais e aumento do ticket de venda para essas empresas.

Apesar de vermos cada vez mais empresas adotando a venda pronta entrega como seu modelo padrão de atendimento, percebemos também que muita dúvida paira sobre esse processo de negócio.

Vamos tratar no artigo de hoje, das três principais etapas de uma venda que é feita pronta entrega, onde a mercadoria acompanha o vendedor e tudo se resolve num único atendimento.

A operação de venda fora do estabelecimento acontece basicamente em 3 estágios, a saber:

Etapa 1 – Dentro da empresa

Deverá ser emitida uma nota fiscal de remessa das mercadorias para que o vendedor possa transitar com esses produtos. Tratamos sobre a importância desse documento fiscal neste artigo. 

O Danfe da nota fiscal de remessa gerado deverá acompanhar a mercadoria a partir do momento em que a mercadoria sair da empresa.

Etapa 2 – Venda dos produtos

Já no atendimento ao cliente, para toda venda que ele fizer deverá ser emitida uma nota fiscal de venda, utilizando CFOPs específicos de acordo com a operação que está sendo feita (venda, bonificação, consignação, comodato, etc) e de acordo com sua classificação fiscal.

É importante ressaltar que as nfes emitidas fora do estabelecimento devem ter informado em dados complementares, a referência do número e a data da nota fiscal de remessa.

Exemplo: “nota fiscal emitida conforme nota fiscal de remessa para venda ambulante nºxx data xx/xx/xxxx”.

Dica: Sistema para pronta entrega como o VendasExternas, já resolvem de forma automática a emissão da NFe e a referência à NFe de remessa (solicite uma demonstração).

Etapa 3 – Retorno das mercadorias a empresa

Após realizar sua rota de atendimento, o vendedor irá retornar com as mercadoria não vendidas, onde então no ERP da empresa deve ser emitida uma nota fiscal de entrada, também com CFOP específico, concluindo assim o processo de venda externa.

Assessoria contábil e operacional


Para cada etapa apresentada acima, é importante que o gestor conte com a ajuda do escritório de contabilidade para identificar os códigos fiscais corretos, pois é ele que responde fiscalmente pela sua empresa.

Além disso, indicamos que a empresa faça uso de ferramentas que agilizem e facilitem o processo de vendas pronta entrega.

Atualmente são muitas as particularidades apresentadas pela legislação e o vendedor não precisa ser onerado por isso.

Mais sobre o VendasExternas

Oferecemos uma solução completa para administração de todo o processo de pronta entrega, que vai desde o carregamento da mercadoria do veículo, processo de vendas com emissão da NFe e boletos de cobrança e o retorno dessa mercadoria para o ERP da empresa.

Entre em contato conosco, veja como podemos ajudar sua empresa na redução de custos e aumento de receita.